Como se tornar um fotógrafo profissional

By Alana Aguiar - terça-feira, maio 27, 2014

Foto: Alex Arruda
Antes de tudo, você não precisa ser um profissional! Nós sabemos que fotógrafo é uma das profissões que está em alta e muitos entusiastas se sentem pressionados a deixarem de ser "amadores". Não se sinta assim, pois fotografar apenas autoral, sem a responsabilidade dos contratos ou de atender ao gosto do cliente também é uma delícia! 

Mas se você pensa em seguir carreira de fotógrafo, aqui vão algumas dicas simples, mas essenciais:

Amor: isso serve para qualquer profissão, mas quando se trabalha com arte, é ainda mais crítico. A fotografia reflete a sua vida, suas experiências, seu olhar, seu amor. 

Espera: o sucesso às vezes não vem tão rápido quanto imaginamos. Eu comecei fazendo alguns trabalhos de graça (até porque não tinha pretensão de me profissionalizar) e só quando tive um portfólio e pessoas me procurando para pedir orçamento que comecei a cobrar. Eu estou no final do mestrado em Clínica Médica (sou biomédica) e tive que passar um ano dividida entre a fotografia e a pesquisa científica. Foi muito difícil ter que conciliar os dois trabalhos, mas eu sabia das minhas responsabilidades quando comecei a fotografar. Não se precipite abandonando seu trabalho/estudo para viver de fotografia sem qualquer planejamento.

Dedicação: ser um fotógrafo não é só tirar fotos. É responder e-mails e ligações, fazer contratos e orçamentos, editar, fazer posts para site e redes sociais, fazer um bom material de entrega.. Tudo isso exige muita organização e dedicação. Mas se você tem o primeiro quesito (amor), tudo isso só deixa o trabalho mais prazeroso. 

Compromisso: não se comprometa a algo que você não pode cumprir. Aceite suas limitações. Nada te impede de aceitar a proposta de fazer um casamento de uma prima para 300 pessoas, sem experiência, com equipamento de entrada.. mas esse provavelmente não ficará um trabalho legal e só servirá para te "queimar" no mercado. Não estou dizendo que você não deve ousar, mas encare a fotografia como algo extremamente importante para o seu cliente e para você, pois ela é. Seja assistente, seja segundo/terceiro fotógrafo, pergunte, pesquise, estude! O aprendizado anda juntinho ao sucesso.


  • Share:

You Might Also Like

7 comentários

  1. Perfeita essas dicas... amei! Sábado passado fiz um trabalho de graça e nem liguei, porque fiz por amor... amo fotografar... :D

    Um beijo
    Sherry

    misslittlepanda.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. eu não conhecia o blog assim, já vi em várias listas de blogs, mas nunca peguei pra ler, e fiquei mais de meia hora no seu blog, lendo os posts ahahahhaha
    adorei as dicas, acho que você tá certissima mesmo, muita gente fica afobada, falando que quer viver de fotografia, e não e bem assim, muita coisa exige muita pesquisa, muita organização e principalmente, muito amor e muita paciência né?
    e a fotografia é um amor mesmo, a gente fotografa porque gosta, eu não sou profissional, tive esse ano pela primeira vez minha experiência de fotografa, e acho que deu certo ahaha mas é um aprendizado que muita gente tem que ter, fotografe de graça, pra ter portfolio, pra ter uma ideia de como é fazer isso, e ai sim você vai saber o seu preço né? :D

    adorei aqui!
    beijinhos :*

    ResponderExcluir
  3. Oi, Katarina. Acho bem legal que você goste de fotografar, mas acho que dizer que se pode ser fotógrafo sem estudar desqualifica muitos profissionais que demoram anos e investem muito dinheiro na própria carreira. Não quero ser grossa ou estúpida, mas só tenha mais cuidado na maneira como fala dessas carreiras, porque como fotógrafa profissional eu me sinto um pouco ofendida com essas afirmações... Trabalhar de graça é errado, e se você não cobra por algo é um favor, e os fotógrafos profissionais não podem ganhar a vida com favores. Mas, enfim, o blog é muito lindinho e desejo sucesso. Bjo

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? :) Quando escrevi 'você não precisa ser um fotógrafo profissional' não quis dizer 'você não precisa fazer uma faculdade de fotografia' ou 'você não precisa estudar', mas sim que se você fotografa por hobbie, não deve se sentir pressionado a viver de fotografia. Até porque nem todo mundo que fotografa está preparado para fazer isso como profissão. O mesmo serve para qualquer outro hobbie que envolva arte: desenho, ilustração, costura, artesanato.. É possível manter esse amor sem fazer disso um trabalho. Estou falando das pessoas que não fizeram faculdade para as coisas que descrevi. Desculpe se me expressei mal, espero que entenda meu ponto de vista. Esse blog é de Alana, eu faço alguns posts de fotografia como colaboradora. ;) Obrigada pelo comentário. Beeijo!

    ResponderExcluir
  5. Adoreeeei! Com certeza não tem como se tornar um fotógrafo profissional sem uma graaande paixão por fotografia..
    pseudobailarina.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Que legal que gostou! :)
    Esse post foi escrito pela Katarina que é colaboradora aqui.
    Obrigada pelo comentário e boa sorte com a fotografia, tem que ter amor mesmo!

    ResponderExcluir
  7. Dicas muito válidas ! Estou querendo começar agora! Me deseje Boa sorte ;)

    ResponderExcluir