Fotografia: os 10 segundos e eu.

quarta-feira, maio 23, 2012

Tava devendo um post falando sobre fotografia pra quem respondeu o formulário, em especial pra Thamy. Então, pra começar, resolvi falar sobre o meu caso de amor eterno com o tempo de segundos da câmera, meu novo BG e como faço as minhas fotografias. 

Perceberam o plano de fundo das fotos do post anterior? É o meu novo BG (para ver o BG anterior, clique aqui. ) Se você é novo aqui no blog, vou explicar... Meu quarto não tem janelas, tem uma 'coisa' por onde entra um raiozinho de luz vezenquando. Meu quarto não é decorado, não tem móveis do tipo OH-MEU-DEUS-EU-QUERO-ESSE-QUARTO-PRA-MIM, não. Pra completar, não da pra sair com a câmera por aí fotografando tudo.

Pra não ficar sem fotografar, pego/compro algum pano e faço meu 'quase estúdio'. Tenho um pano preto bem grande e, atualmente, o pano florido da foto (vocês vão ver muitas fotos com ele por aqui ainda.) 

Funciona assim:

  • Prendo o pano no guarda-roupas  
  • Câmera no tripé
  • Algum objeto pra focar no lugar que quero 
  • Programo a câmera nos tais 10 segundos.  

Pois é, esse é o meu quarto e esse o jeito como 'surgem' as fotos aqui no blog.  O que sempre digo pra quem gosta de fotografia é "queira fotografar!", querer é a primeira coisa. Não coloque desculpas como não-tenho-um-lugar-legal ou não-tenho-uma-câmera-legal. Até pouco tempo usava a minha sony compacta (foto abaixo), ela ta quebrada =/ mas darei um jeito nela assim que puder. 

Compacta quebra o maior galho na hora de sair, compacta vai a todo lugar! Pra ver um dos ensaios que fiz com a minha sony, clique aqui. Ah, e ela também é/era ótima para fotos em casa. Quem tiver pensando em comprar uma compacta, recomendo as compactas da Sony. Esse é a DSCW 330, na época custava cerca de 800,00 R$, e comprei por  430,00 R$, hoje você pode encontrar uma muito melhor pelo mesmo preço. A minha só deu defeito após dois anos de uso intenso (a imagem não aparece mais na tela, fica tudo branco-albino).






Além do fator "gambiarra", vem o fator EDIÇÃO. Quando se edita uma foto, ela ganha uma certa 'vida' e você descobre também o seu jeito de editar, os tons que gosta e qual efeito fica melhor em qual foto. Em um próximo post vou mostrar/ falar os programas de edição que costumo usar. Se quiser algo prático, mostrei aqui programas ONLINE para edição, só clicar e escolher qual usar. 

Passado todo o momento pano-tripé-10segundos-foco-pose-eu-e-edição, fica assim:
Não costumo editar todas as fotos do mesmo jeito ou dizer OK, só uso efeito vintage ou coisa do tipo. Não. Vai do momento, vai da foto, do humor, do que quero dizer com a imagem. O BG acaba servindo para outras fotos em outros lugares do quarto também, ex: cama, parede, parte da pseudo janela, etc.
Espero ter ajudado de alguma forma com essa 'curiosidade' de como faço as minhas fotos. Qualquer dúvida e/ou sugestão para o próximo post sobre fotografia, só deixar nos comentários.

You Might Also Like

19 comentários

  1. Amei esse post!! Realmente, a gente que curte fotografar inventa cada coisa, né?? Que o digam as minhas pilhas de livros e caixas... hahahaha.
    Beijos, linda!

    Ann;
    Vinte & Poucos

    ResponderExcluir
  2. Menina!!! Amei a ideia do BG! Meu quarto também é sem graça em fotos. Estava cansada do fundo das minhas fotos só aparecer meu armário! rs
    Primeira vez que entro no seu blog, amei!
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi, minha flor! :D
    Que saudade de vc. Fico feliz que esteja sempre por aqui. Vou tentar atender teu pedido, especialmente pro dia dos namorados que ta chegando. :)

    ResponderExcluir
  4. Aqui as paredes são esse amarelo-burro-quando-foge, e eu tbm não gosto. Adotar panos, forros de cama e outros são ótimos nessa hora. :)

    ResponderExcluir
  5. Alice, que nome lindo. ahaha
    Fico feliz que o post tenha te inspirado! Brigada pela visita, aparece aqui mais vezes :)

    ResponderExcluir
  6. Ideias super legais!!
    Eu tbm sempre recorro ao timer =)

    http://4demarco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Adorei o post! Primeira vez que entro aqui, te achei no follow friday no Vinte e Poucos, e vim dar uma olhadinha. Esses seus macetes fotográficos me inspiraram para tirar umas fotos diferentes em casa. E realmente, quem quer fotografar fotografa, sem desculpas. Gostei do nome do blog também, eu sou Alice. *-*

    ResponderExcluir
  8. Aqui em casa as pareces são "verde-hospital" (risos). Eu odeio hospital, então automaticamente eu odeio a cor das paredes da minha casa, por isso adorei a tua ideia.

    Nada como comprar uma boa metragem de tecido enquanto espero para pintar as paredes do meu quarto :D

    Beijos, bom fim de semana ♥

    ResponderExcluir
  9. Ah..que genial, só podia ser ALANA mesmo.
    A-do-rei !!!
    Peço idéias pra poses de casal, BEEEM românticas e que mostrem sentimento.

    Sempre por aqui e sempre fã...

    ResponderExcluir
  10. Agradece não, o que é bom tem que ser compartilhado. ^^

    A minha é a DSC H50. Confesso que fiquei bem arrependida. Paguei 2.100 nela há dois anos, quase sem uso. Mas tá valendo menos da metade do que paguei, nem compensa repassar. Preciso conhecê-la melhor, rs.
    Vamos ver se nessa fase de tentativas perco um pouco da fobia por ser fotografada/fotografar a mim mesma =P

    Ansiosa pelo próximo post.

    ResponderExcluir
  11. Só de vc ter ficado tão feliz, valeu a pena o post. Fui bem sincera nas minhas "gambiarras'' pra fotografar.

    Eu tbm não me achava fotogênica. Com 16 anos tirei a primeira foto 'aceitável', com o tempo fui aprendendo o meu ângulo, o que me favorece. A outra opção é fotografar coisas, partes (como a primeira foto desse post, por exemplo. Não aprece meu rosto, mas tem a xícara, o fundo, e uma parte de mim.

    Acho que sei qual é sua sony, se for a que eu to pensando, é ótima! Tente usá-la mais.
    Eu gostava do pixl, mas passei a gostar mais do BeFunky, ele me salva quando os programas não abrem no meu note que ta ferrado. :(

    Vou tentar atender seu pedido pro próximo post e responder sua dúvida. Tentar não falar besteira :S

    AAAAAAAh, brigada pela indicação do blog 'prasamiga', ahaha. Adorei :D

    ResponderExcluir
  12. Preciso de ideias pro próximo post sobre o assunto. Podefalar :P

    ResponderExcluir
  13. Tá, já vou avisando que daqui sairá outro post, outra vez. É que você junto ao meu prazer de escrever não me permitem ser breve.

    Os últimos dias foram um caos. Nem vale descrevê-lo, só ocupariam espaço. Mas quando recebi, no meio da aula mais exaustiva, um "plim" no celular avisando de um tweet seu com o link desse post, o semblante mudou de :( pra :D em segundos, e agora é só *-*

    Tão, tão feliz! Sem falar que tô me sentindo com o post especial pra mim (dá licença, me deixa sonhar que é só meu?).

    Nem preciso dizer o quão ansiosa esperei pelas dicas/tutorial de fotografia. Não é rasgação de seda, nem opinião de amiga imparcial; esse é o melhor texto do tipo que já li em blogs. Se já era fã das suas fotos, sabendo de onde e como surgem, e o resultado final, essa admiração se tornou incondicional. Conseguir tornar um cenário simples em algo tão cheio de sentimentos e vida... Não há dúvidas de que você tem o dom.

    Eu JURAVA que o novo fundo dos fotos era uma parede com textura ou algo do tipo, achei lindo quando vi no post anterior. Não dá pra imaginar que é improviso. Bem do tipo "ideia genial".

    Sou MUITO tímida e nada fotogênica, como não me fotografo [:$] não senti muita falta de um tripé. E prometi que só compraria um depois que começasse mesmo a me arriscar no assunto. Uma graça o seu.

    Nos dois anos que tenho a minha semipro da Sony, pouco a utilizei. Rola um pouco de receio tirá-la da bolsa fora de ambientes seguros, é meio 'contramão' mesmo. Tô pensando em investir numa compacta pra me acompanhar nessa fase de aprendizado, já que não tenho pretensões profissionais, só hobbie mesmo.

    Das indicações dos editores online eu já utilizei muito o Pixlr. É muito prático e tem uns efeitos lindos. Tenho usado só o photoshop pra fazer bordas ou suavizar um pouco, quando ficam muito escuras, nada mais. Dicas de edição serão sempre bem vindas xD

    Não entendo bulhufas de fotografia. Sou só apaixonada por elas. Um problema que me angustia muito é a quantidade de ruído que as minhas fotos têm. Não importa o que faça, sempre acabam tremidas, meio ghost, sabe? Não tenho ideia do que fazer. Fica meu pedido pro próximo post. :B

    P.S.: No intervalo da aula indiquei o blog pra duas amigas que mais cedo (coincidentemente) haviam comentado que tinham vontade de aprender a fotografar. Acabou juntando um monte de curiosos pra ver suas fotos. Todos encantados.

    Obrigada por ter elaborado esse post, Alana. Mesmo! Você tornou meu dia muito mais feliz.
    Beijos mais alegres e saltitantes.

    ResponderExcluir
  14. KKKKKKKKKKKKKK segredo revelado!

    ResponderExcluir
  15. Que post MARA, Alana! Gosti :]
    eu super me interesso por fotografia ..adoro tirar fotos, apesar de não saber ... :/ hahaha
    Fala mais mais mais mais :D
    www.raphaiola.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. BG é o que me salva, pelo meu quarto da pra perceber. Ah, mesmo com o tripé, a correria dos 10 sec é a mesma, viu? ahahaha

    ResponderExcluir
  17. Esse custou 80 reais. Ela não é o mais indicado pro meu tipo de câmera, mas por enquanto serve. Comprei pela necessidade e preço que tava em conta, e por ser transparente. Achei ele diferente. Adoro ele, me serve muito :)

    ResponderExcluir
  18. nunca pensei nisso de armar um fundo para as fotos, genial! adorei a dica. E esse tripé? eu quero também! *-* Qual o preço mais ou menos moça? :*

    ResponderExcluir
  19. Adorei Alana, nunca pensei no BG! Só assim para o fundo das minhas fotos não ficarem horríveis. Porque aqui em casa não tem lugar pra tirar foto e fica sempre com o fundo feio. E preciso de um tripé, viu? Tenho compacta, mas sempre coloco ela em cima de uma caixa de bijus e saio correndo...hehehe
    Pra você ver meu sacrifício...hahaha
    bjoks

    ResponderExcluir